Os grupos paranaenses Tucumann e Pattac, em associação com a espanhola Servinog, vão investir US$ 180 milhões na modernização e na gestão do Terminal Portuário General San Martin, na cidade de Pisco, no Peru. Os grupos já são sócios do Terminal de Contêineres de Paranaguá (TCP) e fazem parte do consórcio Paracas, que venceu a licitação para operar o terminal peruano por 30 anos. A expectativa é faturar US$ 100 milhões.

Em nota, o consórcio diz que nos próximos três anos deverão ser executadas obras de modernização do cais, construção de um pátio de armazenamento, dragagem de 12 metros de profundidade no canal de acesso e a construção de uma área de manobra e cais. O consórcio Paracas S.A. é liderado pela holding Tertium –que tem como participantes a Pattac, Tucumann e Servinoga – com 90% em associação com a Fortesolo Serviços Integrados (10%).

A intenção é possibilitar ao terminal receber navios de grande porte e atrair cargas na rota para a Ásia pelos oceanos Pacífico e Índico.
Leia mais em: https://www.gazetadopovo.com.br/economia/tucumann-e-pattac-vao-investir-r-180-mi-no-peru-ecu5xz3crg1lot4trae7ja15a/
Copyright © 2021, Gazeta do Povo. Todos os direitos reservados.