A tubulação de aço que será utilizada para engorda da faixa de areia da praia de Matinhos, no litoral, começou a ser levada ao mar neste domingo (5).

Segundo o Governo do Estado, serão 2,6 km de tubulação no trecho marítimo para realização da dragagem, procedimento que retira sedimentos do fundo do mar e os leva para a areia da praia.

O governo informou, ainda, que os tubos estão sendo colocados no Balneário Flórida e serão transportados, via mar, até a praia de Caiobá, na altura da Avenida Paraná. Neste trecho, serão 100 metros de engorda.

Após a etapa de instalação dos tubos, que deve durar duas semanas se as condições climáticas colaborarem, será iniciado, efetivamente, o trabalho de dragagem.

A previsão é que a engorda da faixa de areai comece ainda em junho.

O governo disse que, por meio do Consórcio Sambaqui, orienta a população para o cuidado ao passar pelo local, tanto na faixa de praia, quanto na área marítima.

As obras

Ao todo, serão feitas 12 interligações que permitirão bombear areia e água da draga até a praia, promovendo aumento da faixa. O governo estima que a dragagem seja finalizada até novembro.

Locais

 

A previsão do IAT é que, quando houver dragagem no Balneário Flórida, os próximos pontos atendidos sejam o Balneário Flamingo e, por fim, Caiobá.

Como funciona a dragagem

 

Na dragagem, a linha de recalque é conectada à draga, embarcação que retira areia do fundo do mar — Foto: Divulgação/IAT

Segundo o IAT, a dragagem acontece a partir da montagem do duto no qual os tubos serão conectados. O processo é chamado de Linha de Recalque.

Após pronto, o duto é colocado dentro do mar. Na maré cheia, uma das extremidades da Linha de Recalque será içada por um rebocador e levada para o mar, enquanto a outra extremidade permanece na praia. Essa é uma das etapas mais sensíveis e que requer mais atenção, segundo o IAT.

Obras

 

A obra de Revitalização da Orla de Matinhos será realizada em duas etapas, segundo o governo. O investimento será de R$ 314,9 milhões.

A primeira etapa prevê serviços de engorda da faixa de areia por meio de aterro hidráulico; estruturas marítimas semirrígidas; canais de macrodrenagem e redes de microdrenagem; e revitalização urbanística da orla marítima com o plantio de árvores nativas.

Também serão realizadas melhorias na pavimentação asfáltica e a recuperação de vias.

O volume total de areia a ser colocado nos 6,3 km de praias de Matinhosserá de 2,7 milhões de metros cúbicos, promovendo o aumento da faixa de areia em até 100 metros.

Segunda etapa

 

Na sequência, a segunda etapa, contempla quase dois quilômetros entre os balneários Flórida e Ettiene. O investimento é de mais R$ 126 milhões para, essencialmente, a construção de um canal e de estruturas de contenção do mar.

Assim como na primeira etapa, a obra inclui a engorda da faixa de areia da praia, instalação de um Guia de Corrente em Saint Ettiene, a revitalização do Rio Matinhos e o paisagismo da orla.

A segunda etapa ainda precisa ser licitada.

FONTE:https://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2022/06/05/tubulacao-para-engorda-da-faixa-de-areia-de-matinhos-comeca-a-ser-levada-para-o-mar.ghtml